ZH: Da brincadeira na areia ao bufê de sorvetes: leitores perguntam o que as crianças podem ou não podem fazer

Os dias quentes estão aí, e a proximidade do verão e do mais concorrido período de férias, mesmo em um ano absolutamente atípico devido à pandemia de coronavírus, fomenta uma série de dúvidas nos pais. Crianças estão liberadas para brincar na areia da praia? Podem fazer novas amizades? E ir ao bufê de sorvetes?

Membros da Sociedade Rio-Grandense de Infectologia, Dr. Fabrizio Motta, supervisor do Serviço de Infectologia Pediátrica da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre, e Dr. Nicole Alberti Golin, do Hospital Tacchini, em Bento Gonçalves, reforçam a necessidade da manutenção de comportamentos já ensinados ao longo deste ano de tantas restrições, independentemente da estação. É imprescindível evitar aglomerações, manter o distanciamento, higienizar as mãos e não compartilhar objetos com pessoas que não sejam moradoras do mesmo domicílio.

Leia a matéria publicada no Jornal Zero Hora acessando o link: bit.ly/srgi-zh23.

Compartilhe